Os Cinco de Quinta: Romances Históricos (Livros)

Lembram que 15 dias atrás falei que "Os Cinco de Quinta" iam ser meio aleatórios?
Pois então, dito e feito!
Resolvi reunir cinco sugestões de livros (ficções) que são ambientados em algum momento histórico, e as vezes contam com personagens reais no enredo.
Se você está atrás de um livro para devorar, vem dar uma olhada nesta lista! : )

Trilogia "O Século" - Ken Follett
Fonte: Acordei com vontade de ler
Sinopse: Acordei com vontade de ler (Fonte)

Queda de Gigantes
Queda de gigantes é o novo épico de Ken Follett. O primeiro romance desta trilogia segue o destino de cinco famílias durante a Primeira Guerra Mundial e a Revolução Russa. Aos 13 anos de idade, Billy Williams entra em um mundo de homens nos poços de mineração da Gália. Gus Dewar, um estudante de direito norte-americano sem sorte no amor, encontra uma carreira nova e surpreendente. Dois irmãos órfãos russos, Grigori e Lev Peshkov, embarcam em caminhos radicalmente diferentes separados por metade do mundo quando seus planos de emigrar para os Estados Unidos falham por causa da guerra e da revolução. Estes e muitos outros personagens têm suas vidas intimamente entrelaçadas em uma saga que se desdobra em drama intrigante e complexo. Queda de gigantes vai de Washington à São Petersburgo, da sujeira e do perigo de uma mina de carvão aos candelabros brilhantes de um palácio, dos corredores do poder para os quartos dos poderosos. Como sempre acontece com Ken Follett, o contexto histórico pesquisado é brilhante e a ação processada em movimentos rápidos. Os personagens são ricos em nuances e emoção.
Inverno do Mundo
Inverno do mundo retoma a história do ponto exato em que termina o primeiro livro. As cinco famílias - americana, alemã, russa, inglesa e galesa - que tiveram seus destinos entrelaçados no alvorecer do século XX embarcam agora no turbilhão social, político e econômico que começa com a ascensão do Terceiro Reich. A nova geração terá de enfrentar o drama da Guerra Civil Espanhola e da Segunda Guerra Mundial, culminando com a explosão das bombas atômicas. A vida de Carla von Ulrich, filha de pai alemão e mãe inglesa, sofre uma reviravolta com a subida dos nazistas ao poder, o que a leva a cometer um ato de extrema coragem. Woody e Chuck Dewar, dois irmãos americanos cada qual com seu segredo, seguem caminhos distintos que levam a eventos decisivos - um em Washington, o outro nas selvas sangrentas do Pacífico. Em meio ao horror da Guerra Civil Espanhola, o universitário inglês Lloyd Williams descobre que tanto o comunismo quanto o fascismo têm de ser combatidos com o mesmo fervor. A jovem e ambiciosa americana Daisy Peshkov só se preocupa com status e popularidade até a guerra transformar sua vida mais de uma vez. Enquanto isso, na URSS, seu primo Volodya consegue um cargo na inteligência do Exército Vermelho que irá afetar não apenas o conflito em curso, como também o que está por vir. 
Eternidade por um fio
Durante toda a trilogia O Século, Ken Follett narrou a saga de cinco famílias americana, alemã, russa, inglesa e galesa. Agora seus personagens vivem uma das épocas mais tumultuadas da história, a enorme turbulência social, política e econômica entre as décadas de 1960 e 1980, com a luta pelos direitos civis, assassinatos, movimentos políticos de massa, a guerra do Vietnã, o Muro de Berlim, a Crise dos Mísseis de Cuba, impeachment presidencial, revolução... e rock and roll! Na Alemanha Oriental, a professora Rebecca Hoffman descobre que durante anos foi espionada pela polícia secreta e comete um ato impulsivo que afetará sua família para o resto de suas vidas. George Jakes, filho de um casal mestiço, abre de mão de uma brilhante carreira de advogado para trabalhar no Departamento de Justiça de Robert F. Kennedy e acaba se vendo não só no meio do turbilhão da luta pelos direitos civis, como também numa batalha pessoal. Cameron Dewar, neto de um senador, aproveita a chance de fazer espionagem oficial e extraoficial para uma causa em que acredita, mas logo descobre que o mundo é um lugar muito mais perigoso do que havia imaginado. Dimka Dvorkin, jovem assessor de Nikita Khruschev, torna-se um agente primordial no Kremlim, tanto para o bem quanto para o mal, à medida que os Estados Unidos e a União Soviética fazem sua corrida armamentista que deixará o mundo à beira de uma guerra nuclear. Enquanto isso, as ações de sua irmã gêmea, Tanya, a farão partir de Moscou para Cuba, Praga Varsóvia e para a história. Como sempre acontece nos livros de Ken Follett, o contexto histórico é brilhantemente pesquisado, a ação é rápida, os personagens são ricos em nuances e emoção. Com a mão de um mestre, ele nos leva a um mundo que pensávamos conhecer, mas que nunca mais vai nos parecer o mesmo. 
Fun fact: Já falei desta trilogia por aqui, em maio do ano passado, neste post. Sim, estou sendo repetitiva, mas é uma trilogia que vale muito a pena ler, além de ser um daqueles livros que te envolvem de maneira surpreendente faz com que fiquemos intrigados com a nossa própria história, refletindo sobre como nós como humanidade interagimos. O autor amarra o enredo com personagens históricos tão bem que você quase acredita que tudo aquilo fez parte da realidade mesmo. Não se impressione se ao final (e no meio do caminho) você resolver parar de ler para ir pesquisar mais sobre algum evento ou personagem histórico. Acontece, e mais de uma vez! hehe

Inverno em Madri - C. J. Sansom
Fonte: Euzinha : )
Sinopse: Submarino (Fonte)
Em 1940, a Guerra Civil Espanhola já chegou ao fim, e Madri está devastada, uma população de famintos. Os alemães prosseguem em sua incansável marcha através da Europa. A Grã-Bretanha luta sozinha, e o general Franco cogita sair da neutralidade e entrar na guerra. Nesse mundo de incertezas chega Harry Brett, veterano traumatizado de Dunquerque e hesitante espião do serviço secreto britânico. Enviado para conquistar a confiança de Sandy Forsyth, um velho amigo de escola com negócios escusos na Espanha, vê-se envolvido num jogo perigoso e cercado de lembranças. Enquanto isso, Barbara Clare - companheira de Sandy e ex-enfermeira da Cruz Vermelha - ocupa-se de uma missão secreta particular - encontrar Bernie Piper, um ex-amante apaixonado pela causa comunista e membro das Brigadas Internacionais, desaparecido nos sangrentos campos de batalha do vale do Jarama. Uma hipnótica trama repleta de segredos e subterfúgios na Espanha de Franco, "Inverno em Madri" examina o impacto causado por escolhas impossíveis.

Fun Fact: De acordo com minha busca histórica, cuja fonte foi meu Instagram (risos!), li este livro faz aproximadamente 4 anos, e ele veio direto da minha biblioteca particular, como quase todos os outros, A casa da minha avó! Don'Ana, minha avó, me sugeriu este livro e ele é um daqueles que faz você ter todos os tipos de sentimentos, raiva, tristeza, surpresa, tudo junto e misturado, sem contar o fato de ter como pano de fundo a Espanha logo após seu período de Guerra Civil, consegue descrever a devastação causada pelo período.

Por quem os sinos dobram - Ernest Hemingway 
Fontes: Opinião e Notícia | Meia-lua | Peixes também amam
Sinopse: Saraiva (Fonte)
Esta comovente história, cujo pano de fundo é a Guerra Civil Espanhola, narra três dias na vida de um americano que se ligara à causa da legalidade na Espanha. O autor conseguiu que seus leitores sentissem que o ocorrido no país ibérico, em 1937, era apenas um aspecto da crise do mundo moderno. A trama gira em torno de Robert Jordan, americano integrante das Brigadas Internacionais, que luta ao lado do governo democrático e republicano, recebendo a missão de dinamitar uma ponte. Com ele está um grupo de guerrilheiros/ciganos, integrado por Pilar, mulher com extraordinária força de vontade, o perigoso Pablo e a bela Maria.
Fun fact: Mais um livro ambientado na Espanha, mas este durante a Guerra Civil Espanhola. Por Quem os Sinos Dobram, conta com uma grande carga de experiência pessoal, pois Hemingway participou como voluntário da na Guerra. Mais do que tudo o livro lida com o psicológico dos personagens ao lidar com a singularidade que é viver em estado de guerra, percebendo que o companheiro ao seu lado, e seu combatente do lado contrário das linhas de batalha são humanos. Hemingway retirou o título da obra de um poema de John Donne, que diz em um de seus trechos:"Nenhum homem é uma ilha isolada; cada homem é uma partícula do continente, uma parte da terra; se um torrão é arrastado para o mar, a Europa fica diminuída, como se fosse um promontório, como se fosse a casa dos teus amigos ou a tua própria; a morte de qualquer homem diminui-me, porque sou parte do gênero humano. E por isso não perguntes por quem os sinos dobram; eles dobram por ti." Então não precisamos perguntar por quem os sinos da igreja estão tocando, eles sempre estarão tocando por nós, pois cada vida no mundo é uma partícula do todo. 'Por quem os sinos dobram' está em 8° lugar na lista dos dos 100 livros do Século do Le Monde. Se você quiser ler uma resenha super detalhada sobre o livro, sugiro esta do Peixes também amam.

O Palácio de Inverno - John Boyne
Fonte: Resenhando de Pijamas
Sinopse: Livraria Cultura (Fonte)
Na primeira vez em que alterou o curso da história, em 1915, o então jovem camponês russo Geórgui Jachmenev conseguiu impedir um atentado à vida do grão-duque Nicolau Nicolaievitch, irmão do czar. Esse involuntário ato de bravura acaba por assegurar a Geórgui um lugar de honra na corte de Nicolau II, que o nomeia guarda-costas pessoal de seu filho, o também adolescente Alexei Romanov. Em 1981, agora cidadão britânico e funcionário aposentado da biblioteca do Museu Britânico, o octogenário Jachmenev, enquanto vela pela saúde da esposa Zoia, que vive os últimos estágios de um câncer devastador, deixa a memória flutuar, recordando aleatoriamente os fatos de sua vida, grande parte deles ligados diretamente a eventos históricos que transformaram o século XX. Rasputin, Winston Churchill, um amigo de Charles Chaplin, o último czar russo e outros personagens históricos de vulto misturam-se às pessoas comuns do imaginário de Jachmenev, à medida que sua memória vai aproximando os dois momentos mais importantes de sua vida, aquele em que conquistou o amor de sua vida e aquele em que está prestes a perdê-lo de forma definitiva.
Fun fact: Lendo 'O palácio de inverno' caímos no meio da história da Dinastia Romanov, no coração da Rússia. Mistura personagens fictícios com históricos também, é mais um livro que te faz ir querer saber mais sobre a história, sem brincadeiras, eu fiquei obcecada com os Romanov depois desse livro. Sabiam que existem Romanovs no Canadá? Pois é. Obcecada. hahaha Brincadeiras a parte, é um livro fácil e envolvente, com toque de história e romance na medida.

As Espiãs do Dia D - Ken Follett
Fonte: Minha vida literária
Sinopse: Livraria Cultura (Fonte)
Segunda Guerra Mundial. Na fúria expansionista do Terceiro Reich, a França é tomada pelas tropas de Hitler. Os alemães ignoram quando e onde, mas estão cientes de que as forças aliadas planejam libertar a Europa. Para a oficial inglesa Felicity Clairet, nunca houve tanto em jogo. Ela sabe que a capacidade de Hitler repelir um ataque depende de suas linhas de comunicação. Assim, a dias da invasão pelos Aliados, não há meta mais importante que inutilizar a maior central telefônica da Europa, alojada num palácio na cidade de Sainte-Cécile. Porém, além de altamente vigiado, esse ponto estratégico é à prova de bombardeios. Quando Felicity e o marido, um dos líderes da Resistência francesa, tentam um ataque direto, Michel é baleado e seu grupo, dizimado. Abalada pelas baixas sofridas e com sua credibilidade posta em questão por seus superiores, a oficial recebe uma última chance. Ela tem nove dias para formar uma equipe de mulheres e entrar no palácio sob o disfarce de faxineiras. Arriscando a vida para salvar milhões de pessoas, a equipe Jackdaws tentará explodir a fortaleza e aniquilar qualquer chance de comunicação alemã - mesmo sabendo que o inimigo pode estar à sua espera.
Fun fact: Estou lendo este livro atualmente, comecei no início da semana e estou na metade. Os capítulos são curtos e a leitura flui bem. Não estou tão impressionada quanto fiquei com a Trilogia O Século, mas estou gostando, mostra o papel da mulher na Segunda Guerra! É possível que você encontre este livro sob o título de Jackdaws.

Ufa! Que post longo! Mais uma vez achei que fosse ser rapidinho de fazer e quando me dei conta estava há horas na frente do computador!
Caso vocês já tenham lido esses livros me contem o que acharam. E claro, se você conhece um bom livro que misture ficção e história me conta, pois eu amo!!

Bisous!
T.

Share this:

,

Conta pra mim o que você achou

0 comentários:

Postar um comentário