NYC Tips: Como andar em Nova York


E não se perder pelo caminho!

Nas duas postagens anteriores com dicas da cidade (para ver é só clicar aqui e aqui) eu dei sugestões de onde ir (sem gastar muito), e nelas dizia onde ficavam os lugares, quais linhas de trem (ou metrô, como você preferir) pegar para chegar lá, mas não te ajudei a andar de um lado para o outro sem parecer que caiu de paraquedas lá no meio!

Eu sei, um absurdo! Hoje vamos resolver este problema com uma lista de dicas de como passear no Botanical Garden no Brooklyn e terminar o dia tomando um Chai Latte no Central Park como se conhecesse a cidade desde sempre. hahahaha

Metro x Ônibus

O metro de Nova York funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana (os probleminhas dele ficam pra uma próxima história), e a primeira coisa que eu recomendaria a você é comprar um MetroCard.
Foto: Mary-Louise Price Foss for NewYork.com
Ele custa US$ 1,00, você paga pela emissão dele e recarrega quantas vezes forem necessárias até a data de expiração do cartão, que é longa. 
A compra do MetroCard pode ser feita nos guichês ou nas estações automáticas nas estações.

O valor por viagem é de US$ 2,75, ou caso você vá bater bastante perna e for fazer muitas viagens, existem os planos ilimitados, em que você paga uma taxa e usa quantas vezes quiser por um determinado período de tempo. 
Para 7 dias sai por US$ 31,00 e um mês custa US$ 116,50.

A rede que cobre a cidade é gigantesca. Mas isso não é problema, o Google Maps já te mostra quais linhas você deve pegar para ir de um ponto ao outro.
Caso você esteja no meio do caminho, sem internet, existe um aplicativo ótimo que mostra toda a rede de linhas da cidade para te ajudar, o New York Subway Map. O aplicativo está disponível para Android e iOS e é grátis. 
É uma mão na roda, acredite. 
Com o MetroCard em mãos você pode tanto usar as linhas de metrô da cidade quanto as de ônibus!

Uber x Táxi

Nova York tem um trânsito bem maluco e a cidade é lotada, então alugar um carro pode não ser a melhor ideia da viagem mas se sair de táxi ou a pé não é uma alternativa para você, chamar um Uber ou um táxi pode ser uma boa saída. 
Foto: Leslie Beslie - A girl lives in brooklyn
Vamos ao que interessa a diferença de preço entre eles:
UberX: a taxa base é de US$ 2,55, sendo cobrados US$ 0,35 por minuto rodado ou US$ 1,75 por milha (1.6 km). Para valores de outras modalidades de Uber é só dar uma olhada nos preços estimados aqui.

Táxi: A cobrança inicial é de US$ 2.50, cobrando US$ 1,00 por milha rodada e US$ 0,50 a cada minuto parado ou em trânsito lento. Claro sem esquecer dos 15% de gorjetas para o motorista no final da corrida. Para maiores detalhes é só clicar aqui.

Andar

Não tem jeito, andar sempre vai ser a melhor maneira de conhecer um lugar. Dá para absorver cada cantinho e se perder propositalmente nas ruas da cidade. Mas se você tem medo de se perder de verdade e está em algum canto de Nova York que não tem Wi-Fi livre, pacote de dados, ou uma Starbucks para você entrar e roubar a internet por um instante para buscar no GPS onde você está e para onde vai (e não tem um mapa físico... super vintage! hahahaha), eu tenho uma alternativa ótima!

O Google Maps tem uma opção no aplicativo de fazer o download de áreas off-line, que você pode acessar mesmo sem internet depois. Quando descobri isso baixei os mapas das regiões que eu mais andava e quando precisava sair sozinha ia sem medo. Qualquer coisa eu parava, abria o mapa e voltava pro meu rumo!

O passo a passo de como fazer uso deste recurso está direto na página da Google (aqui) ou com imagens para facilitar, no TechTudo (aqui).
(Confesso que uso isso aqui em Curitiba também, porque sou bem perdida hahahaha).

Essas foram as dicas de hoje, espero que sejam úteis para quem está pensando em conhecer a cidade, e para quem quer viajar para qualquer lugar também (com essa dica do Maps)! : ) 

Bisous!
T.

Share this:

, ,

Conta pra mim o que você achou

0 comentários:

Postar um comentário