NYC Tips: Brooklyn Botanic Garden


Está com viagem marcada para Nova York, ou planejando uma, e quer fazer programas legais na cidade sem gastar muito? Vem comigo então, que programas on a bugdet são comigo mesmo!

O primeiro destino é pra quem gosta de jardins e plantas. Eu antes achava engraçado que nas viagens da minha avó ela sempre voltava cheia de fotos de flores e plantas, até que reparei que eu também sempre volto cheia dessas fotos quando viajo! hahaha
Hoje vamos para o Brooklyn Botanic Garden.

Como boa curitibana que sou, morando do lado do Jardim Botânico da cidade não poderia deixar de passar pelo Botânico do Brooklyn, fundado em 1910. Fui conhecer o lugar, que fica nos arredores do Prospect Park, agora em maio, aproveitando que a primavera já tinha chego.

O Botânico fica na 990 Washington Ave, Brooklyn, e dá pra chegar com o trem B e Q, dependendo de onde você estiver. Uma dica legal é sempre checar no Google Maps quais as rotas de transporte público utilizar, pois ele é bem alimentado e oferece opções que são bastante certo. Além disso, se estiver com medo de ficar sem internet faça o download de algumas áreas no seu celular, para pode acessar os mapas offline também, e o aplicativo New York Subway MTA Map and Route Planner (disponível para iOS e Android) para não se perder.

Para minha alegria (SQN) fui pelo lado contrário da entrada do Botânico, então a caminhada até ele já deu uma canseira, mas valeu totalmente a pena. Cheguei primeiro em um jardim para as crianças, interativo, onde os pequenos podem brincar com alguns elementos do parque e aprender sobre sementes, estações, folhas. Bem legal!

Saindo do jardim infantil e andando mais um pouco (lembra que fui pelo lado contrário da entrada) chegamos na entrada principal e onde a coisa toda acontece.
Você é saudado por um jardim de peônias japonesas que te tira o ar! Elas passeiam por toda a paleta de rosas, partindo do branco, chegando ao vermelho vinho, uma mais bonita que a outra. E o tamanho delas? Nunca tinha visto uma flor tão grande! Esse é um daqueles quadros mentais que vou guardar pra sempre comigo e não importa quantas fotos tentasse tirar, nenhuma faria jus aquelas flores.
Olha o tamanho delas!
Pra mim só elas já eram o suficiente, mas olhando logo ao lado delas tem cerejeiras ladeando o caminho.
Seguindo por este caminho chegamos em outra ala do Botânico com um tapete lilás! Não sei qual o nome dessa florzinha, lembra a lavanda pela cor, mas independente da espécie, é um sonho.


E assim vai ao longo dos 52 acres de parque e 12.000 espécies de plantas! Prepare-se para dedicar ao menos um período do seu dia nele, pra isso escolha roupas confortáveis para caminhas bastante! Eu fui de jeans, tênis, uma camiseta e um casaco meio poncho, porque ainda fazia frio na cidade.
Estar confortável é a chave.
Agora o que nos interessa, quanto custa o passeio?

A entrada custa US$ 12,0 para adultos, US$ 6,0 para idosos (+65) e estudantes, crianças com menos de 12 anos não pagam. Agora o pulo do gato! Todas as terças são grátis para todos! Que foi quando fui passear! Além disso, aos sábados entrando das 10h até o meio dia também não se paga entrada e todo idoso nas sextas também não.
E assim aprendemos a economizar doze Obamas economizados em um passeio ótimo!

O Botanic Garden fica aberto entre março e outubro as terça a sextas das 8h até as 18h, sábado e domingo das 10h as 18h e fecha as segundas. No inverno (de novembro a fevereiro) de terça a sexta das 8h as 16:30h e finais de semana das 10h as 16:30.

Espero que no passeio de vocês o céu esteja de um azul incrível que deve deixar o parque ainda mais bonito!
Me contem, vocês já foram neste parque e o que acharam dele?

Bisous!
T.

Share this:

,

Conta pra mim o que você achou

0 comentários:

Postar um comentário