Sobre o preço das coisas - Alimentação


Bom dia! O que fazer quando a gente escreve o post inteirinho e esquece de postar? Socorro memória! kkkk

Uma coisa importante quando estamos planejando viajar, seja por um período curto ou longo é o quanto vamos gastar com alimentação no nosso destino (afinal, this belly gotta grow! kkk).

Então como funcionam as coisas por aqui, em Québec especificamente, com relação a gastos com alimentação? É muito caro ou muito barato?
Acho que essa foi a primeira coisa que meus pais me perguntaram quando eu cheguei, a minha resposta na época foi "É igual no Brasil...".
Bem da verdade? Não, não é. O que eu quis dizer na época é que alguns preços eram semelhantes ao que eu via em Curtiba, mas desconsiderando conversão de valores. Por exemplo, aqui eu pago em 1 kg de peito de frango sem pele mas com osso entre $ 13,00 e $15,00 (com as taxas - em média), no Brasil em geral eu pagava esse preço também uns R$ 13,00/kg. Considerando $ (CAD) 1,00 = R$ 2,50 eu pago R$ 32,50/kilo de peito de frango. Ouch! 

Claro, tenho que pensar em dólares e é justamente o que eu faço, um dos motivos que me fizeram atinar pro preço bruto em Real das coisas foi a visita da minha mãe e da minha avó na semana passada, pois elas sempre convertiam os valores pra ver se valia a pena, afinal elas vieram em Real não em Dolar Canadense pra cá.
Um Mc Duplo ou um Chicken Mc Jr, dos Pequenos Preços do Mc Donalds saem por $ 1,69 (sem taxas) se não me engano... O quê menos de $ 2,00! QUe barato! Será? R$ 4,25... Acho que regula preço com o Brasil e o Mc teoricamente é um lugar barateza de se comer!


Um hamburger no Burguer Cartier que fica na Galeria Les Halles Cartier, sai por uns $ 8,00 o trio (sanduiche, bataba e refrigerante) ou seja uns R$ 20,00. Uma fatia de pizza, um refrigerante (ou iced tea) e uma Ceaser Salad no Mike's no shopping sai por $12,00 (R$30,00). Restaurante fancy não posso nem testemunhar por motivos de: não tenho dinheiro pra essas coisas! kkkkkkk Mas em uma das poucas vezes que saí, eu e o namorado gastamos uns $ 60,00 ($ 150,00) em uma pizza, 3 bruschettas de entrada e uma garrafa de vinho da casa, mesmo valor que gastamos em 2 pints de chopp e um fish n' chips em um pub local. Pra dois estudantes que já tem nas contas mensais $ 1300,00 de aluguel não é muito animador sair pra jantar.

Antes de vir pra cá eu brincava que ia viver de framboesas, mirtilos, amoras e maple syrup. A realidade, uma bandeja de qualquer uma dessas ~berrys custa uns $ 5,00. O maple? Uma garrafa de 500 mL $ 9,00. Aliás frutas e verduras são um troço caro pra chuchu aqui, porque na grande maioria é importado (com um frio desses o que mais poderia se esperar!) e muitas vezes o preço das coisas é por unidade. Tipo como a gente compra abacaxi? Mas pode ser pepino, clementine (tipo uma mimosa)...


As carnes são outro ponto importante! Já dei o exemplo do frango, mas a carne vermelha é hors concours. O primeiro ponto de destaque é que ela tem um sabor estranho (na grande maioria) pro nosso paladar e acho que pra de qualquer um. A minha percepção é que ela é meio adocicada, weird! Segundo a Nathalie, a professora do frânces que também acha que a carne daqui tem um gosto bizarro, é por causa dos hormônios que o gado recebe. Vai saber. Se você é zoólogo me conta se isso tem fundamento? Arriscamos comprar carne poucas vezes aqui, em uma das que demos sorte pagamos tipo $ 8,00/bife delicia R$ 20,00!

Dois litros de leite 1% (teor de gordura) custam $3,50 (quase R$9,00) - aqui a gente encontra o leite em caixas de 1 e 2L. Creme de leite (400 mL) pode chegar a quase $ 5,00 ($12,50).

Para driblar gastos com alimentação um costume legal do pessoal aqui é muito comum as pessoas levarem aquela marmita esperta pro trabalho, faculdade... Na UL nas "cantinas" tem um monte de microndas pra quem quiser usar.

Enfim, comer aqui está longe de ser algo barato!

Bisous!

T.

Imagens: Foodies Feed

Share this:

,

Conta pra mim o que você achou

0 comentários:

Postar um comentário