Diário de Fim de Semana: Run Forest, run!

Bonjour!
Como foram de final de semana? Dois feriados seguidos essa segunda não deve estar sendo fácil! Hoje além de segunda é Star Wars Day (May the Fourth be with you) pra ajudar com a força extra pra viver essa semana (risos)!
O calor finalmente deu as caras em Québec e tá rolando arriscar um vestido as vezes já. Uma alegria minha aqui é que não passo vergonheira por ter as canelas transparentes porque compartilho desse mal com muita gente! Yay! Sério gente, trauma! hahahaha
É incrível ver como as pessoas animam quando sai o sol, a quantidade de gente correndo aumenta, os grupos de piazada pela rua aumentam, famílias passeando juntas, turistas borbulham.
Eu fiz algo que minha inércia gigantesca, e com a colaboração do frio, me impedia a tempos: correr. Sério, eu sou super polenta pra qualquer exercício, me dá preguiça de ver a determinação das pessoas que gastam umas 2 horas por dia em academia. Duas horas bem gastas pra mim são lendo um livro não sofrendo! hahahaha Mas comprei um tênis e fui pro parque. Devagarinho pra não zoar os joelhos logo na primeira embalada, e olha foram quase 4 km. Quase chorei de emoção! #drama
Isso foi na sexta, claro que sábado, apesar de ter pegado muito leve, meu joelho pediu socorro e a missão #runtamirókarun afundou. Aproveitei para um momento delicioso que quem mora sozinho conhece bem que é limpar a casa... Ah esses belos momentos em que você e ama e odeia o seu canto! Ainda aproveitamos para andar no parque mais ao fim da tarde e passar no supermercado para nos abastecermos de junkie food para assistir a "Luta do Século" do boxe entre Mayweather e Pacquiao. Estava animada? Estava! Torcendo para o Pacquiao? Com certeza! Dormi na luta! SIM! hehe Acontece né pessoal... Acordei sabendo que o filipino tinha levado a pior, paciência.
Poutine, chicken wings e cerveja para compensar o surto saudável de sexta!
Terminei o segundo livro da trilogia O Século, O Inverno do Mundo, estou completamente fissurada nesses livros! 
Domingo foi tranquilo, ia dar uma volta no parque novamente mas acabei ficando em casa pois consegui espaço para usar a lavanderia do prédio - o prédio tem uma lavanderia compartilhada, daquelas que você coloca a moeda e fica esperando - e fiquei na função de subir e descer as escadas carregando roupa.

Enfim, vocês não têm ideia da alegria que é poder abrir as janelas de casa sem perigo de morrer de frio! Até as marmotas já saíram da toca pra aproveitar o tempo bom (de verdade!). Alegria, alegria!

Bisous!

Share this:

, ,

Conta pra mim o que você achou

0 comentários:

Postar um comentário